DEE SNIDER já teve várias facetas ao longo de sua carreira de décadas. Ele liderou a influente banda TWISTED SISTER, foi apresentador de vários programas de rádio, brincou de personalidade televisiva, atuou em peças da Broadway, e até dirigiu um filme de terror.

Seu último projeto junta alguns desses interesses díspares. ‘Dee Does Broadway’ encontra Snider usando sua voz única para coverizar alguns dos mais famosos temas da Broadway, como ‘Cabaret’, ‘Luck Be a Lady’, e ‘Razzle Dazzle’. Também há participações de lendas do teatro como Patti Lupone e Bebe Neuwirth.

Para te ruma ideia do tipo de híbrido de rock e teatro que Snider sintetizou, assista ao vídeo de ‘Mack The Knife’ [dirigido por seu filho Cody Blue Snider] clicando AQUI.

Essa foi a primeira vez que tivemos a oportunidade de trabalharmos juntos como diretor e artista”, disse Cody Blue sobre trabalhar com seu pai. “Isso poderia ter sido bem tumultuado, mas meu pai e eu temos tanto respeito mútuo que foi tudo menos isso. Trabalhar com Dee foi a melhor parte da produção pra mim, e tenho certeza que continuaremos a trabalhar juntos até que eu esteja trocando as fraldas dele entre uma tomada e outra.

Dee Does Broadway” sai na quinta, 8 de maio. A autobiografia dele, ‘Shut Up and Give Me the Mic: A Twisted Memoir’, chega às lojas no mesmo dia.

27/04/2012 16:15

Rock of Ages: Tom Cruise manda ‘Paradise City’

Author: NachoBelgrande

A trilha sonora da vindoura adaptação cinematográfica do musical da Broadway ‘Rock Of Ages’, que desfila músicas populares dos anos 70 e 80, tem no elenco Tom Cruise, Catherine Zeta-Jones, Russel Brand e Juliane Hough mandando alguns dos maiores hits do período das ‘hair bands’.

A ser lançada no dia 5 de junho – dez dias antes do filme chegar aos cinemas dos EUA, ‘Rock Of Ages: Original Motion Picture Soundtrack’ tem a seguinte track list:

01. Paradise City (Tom Cruise)
02. Sister Christian/Just Like Paradise/Nothin’ But a Good Time (Diego Boneta)
03. Juke Box Hero/I Love Rock ‘N’ Roll (Diego Boneta)
04. Hit Me With Your Best Shot (Catherine Zeta-Jones)
05. Waiting For A Girl Like You Diego Boneta
06. More Than Words/Heaven (Diego Boneta)
07. Wanted Dead Or Alive (Julianne Hough)
08. I Want To Know What Love Is (Malin Akerman)
09. I Wanna Rock (Diego Boneta)
10. Pour Some Sugar On Me (Tom Cruise)
11. Harden My Heart (Julianne Hough)
12. Shadows Of The Night/Harden My Heart (Julianne Hough)
13. Here I Go Again (Diego Boneta)
14. Can’t Fight This Feeling (Russell Brand)
15. Any Way You Want It (Julianne Hough)
16. Undercover Love (Diego Boneta)
17. Every Rose Has Its Thorn (Diego Boneta)
18. Rock You Like A Hurricane (Julianne Hough)
19. We Built This City/We’re Not Gonna Take It (Russell Brand)

Rock of Ages’ estréia no Brasil no dia 1 de Agosto.

Dee e sua esposa, Suzette Snider, a musa de ‘You’re Not Alone – Suzette’s Song’

Por Andy Greene para a edição estadunidense da Rolling Stone

Traduzido por Nacho Belgrande

O frontman do TWISTED SISTER, DEE SNIDER não tem nada que lembre nem de longe uma canção de sucesso desde 1984, mas através de um carisma incrível e grande força de vontade, ele conseguiu manter-se em evidência por todos esses anos. Em fevereiro desse ano, a fama dele alcançará um novo patamar quando a quinta temporada de O Aprendiz Celebridade estrear. Snider é um dos competidores do show, junto com Clay Aiken, Adam Carolla, Lou Ferrigno, Arsenio Hall, Penn Jilette, George Takei e Paul Teutul, Sr. [e esse é só o time dos homens]. Nós nos sentamos com Dee em Nova Iorque na semana passada pára conversar sobre o programa, sua carreira surpreendentemente longa e o vindouro filme Rock Of Ages.

Você já esteve em vários reality shows. O que foi diferente em O Aprendiz Celebridade?

É diferente de todos os outros. É tudo em torno de vencer. Não há elemento social nele. Digo, você está com outras pessoas e rola camaradagem e relacionamentos, mas tudo impulsionado pelo trabalho e tudo gira em torno de você sair de sua zona de conforto. Alguns dos reality shows que eu fiz eram sobre filmar você DENTRO da sua zona de conforto – esse te tira dela.

Eu estava olhando aos competidores no time masculino. Você tem muita gente inteligente e capaz.

Como Paul Tautul, Sr. [da série American Chopper]. Ele é um empresário super bem-sucedido. Eu não sei o que ele está fazendo aqui. Muitos desses caras não são aprendizes. Eles são caras inteligentes, bem-sucedidos. Homens de negócios. Eles são icônicos. O time dos homens, só pra divulgar, vai a eventos. As mulheres não conseguem competir com isso. Tem que ser tipo, “Puta que pariu, é o Dee Snider. É o Lou Ferrigno. É o Paul Teutul, Sr. É o Arsenio Hall!”

Como vocês trabalharam juntos? A equipe deu liga?

Com certeza. Agora que o show tem ido ao ar já há alguns anos, as pessoas entram conhecendo ele, e com um plano. Eu acho que muitos dos homens notaram – assim como as mulheres – que infelizmente as mulheres são incapazes de funcionarem bem juntas. Essa não é uma declaração machista. Uma mulher poderosa disse certa vez, “Se as mulheres se dessem bem, elas dominariam o mundo”.Ela não estava brincando. Elas têm um problema inerente para trabalhar em grupo. Os homens não tentaram, vencer puxando o tapete dos outros ou se perfazendo, apenas fazendo um trabalho melhor.

Se você olhar aos astros do rock do seu tempo que têm um nível de sucesso equiparável ao seu, muito poucos conseguiram ficar sob os holofotes como você conseguiu.

Esse show vai levar isso a outro patamar. Agora que eu me gabei um pouco, eu vou equilibrar dizendo que eu queria que tivesse sido planejado. Mas era 90 por cento desespero. Eu acordava em 1992 ou 1993, completamente falido e pensava, “E agora, porra?” Eu estava apenas dizendo, “Reinvente-se, reinvente-se, reinvente-se…”

Muitas pessoas nessa posição simplesmente começam a tocar seus sucessos em casas noturnas pra sempre.

Isso te joga na lama, ao invés de agregar algum valor. O Twisted Sister faz 20, 25 shows por ano. Mas se dependesse da banda, tocaríamos o tempo todo. O Que você faz é diminuir seu valor. Nós vamos e somos a atração principal nos maiores festivais, e todo lugar que vamos, estamos no topo do elenco. Uma certa banda vendeu mais discos que nós nos anos 80, mas eles saírem em turnê 20 vezes recentemente e ninguém nos viu em cinco anos.

O programa mudou sua ideia sobre Donald Trump como pessoa?

Totalmente. Isso pode arruinar a imagem dele, mas todo mundo do elenco vai te dizer que ele é gracioso, solícito, atencioso e autodepreciativo. Ele faz piadas com o cabelo dele e seus bens quando a câmera está desligada. Ele tem esse personagem, mas com certeza minha opinião sobre ele mudou.

E quando ele diz coisas como ‘a certidão de nascimento de Obama é falsa’?

Eu não concordo com ele sobre isso. Eu disse que tinha uma opinião diferente dele, mas não concordo com a visão política dele.

Você acha que ele acredita nessas coisas loucas, ou ele apenas quer atenção?

À maneira dele, ele é o P.T. Barnum de seu tempo. Não é coincidência que ele esteja falando em concorrer à presidência ao mesmo tempo em que estamos anunciando a estréia de O Aprendiz Celebridade. Não é uma coincidência. Dizer coisas loucas como ‘O Presidente Obama é um incapaz ‘, sabendo que ao mesmo tempo ele quer que as pessoas assistam ao programa dele.

O que você acha de Tom Cruise estar no filme Rock of Ages?

Eu estava na Broadway no Rock Ages quando eles anunciaram que fariam um filme da peça. Meu empresário estava todo empolgado. Ele ficou, “Você vai aparecer em um filme!” E eu, “Nem fudendo!” E ele, “Como assim?” Eu disse, “Você viu Mamma Mia? Você já viu alguma adaptação da Broadway pro cinema?” Eles pegam o John Travolta pra fazer papel de mulher. Eles pegam esses talentos de ponta a um quarto porque eles querem cantar. Daí, claro, a gente vê Tom Cruise, e dão Will Ferrell estava falando sobre o eu papel [Alec Baldwin acabou ficando com ele]. Eles têm que pegar os maiores nomes que conseguirem. Mas eu espero que Tom Cruise fique melhor do que Pierce Brosnan. Você assistiu a Mamma Mia? Pierce Brosnan estava horrível!

Você acha que Tom Cruise consegue desempenhar bem esse papel?

Tom é um grande ator e eu vi umas fotos…mas ele ficou meio anos noventa a meu ver. Ele parecia um pouco com o vocal do Creed ao invés do vocal do Poison, mas eu ouvi dizer que ele se saiu muito bem. E além disso, ele insistiu em ser o astro do filme. Aquele papel na Broadway é coadjuvante. Eles tiveram que reescrever o roteiro pra ele. Agora é simplesmente ‘baseado no musical’.

Mas ele sabe cantar?

Eles fazem qualquer negócio. Hoje em dia, pessoas que não sabem cantar vendem milhões de discos.

TOM CRUISE protagoniza a vindoura adaptação para o cinema do sucesso musical da Broadway, “Rock of Ages”, que traz clássicos do rock dos anos 70 e 80. O ator interpreta a Stacee Jaxx, um músico já envelhecendo cujos dias de glória já se foram há muito. Dentre as músicas que Cruise irá cantar estão “Pour Some Sugar on Me” do DEF LEPPARD, “Rock You Like a Hurricane” do SCORPIONS, “Wanted Dead or Alive” do BON JOVI, e “Renegade” do STYX.

O guitarrista do DEF LEPPARD, Phil Collen disse recentemente ao site NOISECREEP que ele e seus colegas de banda se encontraram com Tom Cruise e que o ator “fez um excelente trabalho. Ele está gravando a minha parte vocal, a parte de Joe – todas elas! Isso vindo de alguém que nunca havia cantado antes. Ele estava fazendo aquele lance que muitos dos atores desse método fazem quando eles aceitam um papel. Ele entra no personagem completamente. Ele nos disse que ele estava ensaiando cinco horas por dia, cinco dias por semana, por quatro a seis meses, apenas para elaborar o aspecto vocal do personagem. Foi fantástico ouvir isso”.

Ele emendou: “Eu fiquei realmente satisfeito de ver como Cruise tem os pés no chão. Ele foi muito humilde e na verdade nos disse que ele achava que ‘Pour Some Sugar On Me’ era um clássico absoluto. Ele disse que ela merecia todo o respeito e atenção que ele conseguisse dar. Então nos sentimos definitivamente honrados”.

Eu tive a oportunidade de assistir à versão teatral de ‘Rock of Ages’ na Broadway e foi muito divertido. É cafona e brega, e retrata muito bem aquele período. Não é um lance meio ‘Spinal Tap’ onde eles estão zombando da coisa, mas eles se divertem com aquilo. Tem uma vibe meio ‘Glee’ e ‘High School Musical’, mas ambientado na Sunset Strip. Eu acho que você pode dizer que é como ‘Amor Sublime Amor’ feito com canções dos anos 80”.

Noticiou-se antes que Cruise estava preparando-se para seu papel treinando com o professor de canto de AXL ROSE. “Ele tem estudado com – sério – o professor de Axl Rose por cinco horas ao dia” disse o diretor Adam Shankman ao site The Wrap em abril do ano passado. “O prognóstico é mais que excelente”.

Fonte: site Rock Confidential

18/10/2011 20:21

Dee Snider: Novo disco solo terá Sebastian Bach e Biff Byford

Author: NachoBelgrande

Em uma atualização vinda de seus Drac Studios, MATT SORUM [Velvet Revolver, ex-Guns N’ Roses] revelou que SEBASTIAN BACH   e o frontman do SAXON, Biff Byfford gravaram participações especiais na noite passada [17 de Outubro] para o disco de músicas da Broadway que o líder do TWISTED SISTER, DEE SNIDER está preparando.

Pat Prince da revista estadunidense Goldmine falou recentemente com Dee Snider, que falou do disco ‘Dee Does Broadway’:

Eu assinei um contrato para fazer um novo disco. Eu vou antecipar tudo dizendo que não, não é Metal. Chama-se ‘Dee Does Broadway’. Eu estou pegando trilhas da Broadway e fazendo versões rock para elas. É meio que o [disco] ‘Twisted Christmas’ levado para a Broadway. Mas há alguns momentos bem metal ali, com certeza. ‘Sweeney Todd’ se encaixa perfeitamente no Metal – baixo, bateria, guitarra – então algumas dessas faixas são realmente metálicas, mas é um disco de rock. Eu estou fazendo-o como artista solo. Estou trabalhando nisso.”

Fonte: site da revista canadense Brave Words & Blood Knuckles